XIV ENCONTRO INTERNACIONAL EURODEFENSE

Nos dias 26 e 27 de Setembro de 2008, decorreu no Luxemburgo o XIV Encontro anual das Associações EURODEFENSE, tendo o EuroDefense-Portugal participado com uma delegação chefiada pelo seu Presidente da Direcção, Dr. António Figueiredo Lopes.

Neste Encontro Internacional, que foi dirigido pelo Presidente do EuroDefense-Luxemburgo e antigo Presidente da Comissão Europeia, Mr. Jacques Santer, tiveram lugar duas reuniões do Conselho de Presidentes da rede de Associações EURODEFENSE onde, para além de ter sido avaliado o trabalho da rede e definida a necessária orientação para a actividade a desenvolver nos próximos anos, foram apreciados os trabalhos apresentados pelos Grupos de Trabalho EuroDefense (GTE). O Conselho de Presidentes foi ainda recebido no dia 26 de Setembro em audiência concedida pelo Grão-Duque do Luxemburgo.

No dia 27 de Setembro, as várias Delegações das Associações EURODEFENSE contaram com uma sessão de Conferências realizadas no Centro Jean Monnet da Comissão Europeia, em que o tema central foi “Que roteiro para a PESD na actualidade?”, tendo os participantes a oportunidade de debater demoradamente as diversas questões expostas.

Durante o XIV Encontro EURODEFENSE, os Grupos de Trabalho EuroDefense que estiveram constituídos em 2007/2008 apresentaram documentos relativos aos temas:

  • GTE 1B – “Capacidades Europeias de Comando e Planeamento”, cujo relatório foi aprovado pelo Conselho de Presidentes;
  • GTE 11 – “Segurança e Estabilidade na Bacia do Mediterrâneo”, que apresentou um primeiro relatório, o qual  foi aprovado, embora tenha sido decidido pelo Conselho de Presidentes a continuação dos trabalhos deste GTE em 2008/2009, essencialmente no que toca às vertentes económicas do tema em análise.
  • GTE 12 – “Como podem as ONG’s contribuir para a PESD”, relativamente ao qual o Conselho de Presidentes decidiu que devia continuar os trabalhos no próximo ano.

No âmbito dos Grupos de Trabalho EuroDefense, o EuroDefense-Portugal teve a oportunidade de propor a constituição de um novo GTE que, tendo a designação de GTE 13, vai abordar ao longo de 2008/2009 as questões relativas à “Protecção do Ambiente e Segurança Internacional”, sob a liderança do TGen Mateus da Silva.