“Military Planning and Conduct Capability (MPCC): embrião de um futuro quartel-general de operações da UE (QGO) de um Exército Europeu?

O Tratado de Maastricht, assinado em 7 de fevereiro de 1992, criou uma União Europeia (UE) assente em três pilares, sendo o segundo pilar dedicado à Política Externa e de Segurança Comum (PESC), com o objetivo de reforçar a segurança da UE e dos seus Estados-membros e de promover paz e segurança internacional, em consonância […]

O FUTURO DA DEFESA EUROPEIA

O Futuro da Defesa Europeia Perante o contexto de pressão, desafios e ameaças externas e face ao sentimento de insegurança existente em vários setores da Europa, será que a evolução do sistema de segurança europeu caminhará no sentido de maior integração, levando eventualmente à constituição do “Exército Europeu”? No prefácio da “Estratégia Global para a […]

FUTURO AVIÃO DE COMBATE EUROPEU: REALIDADE OU FICÇÃO? Future European Fighting Aircraft: Reality or Fiction?

Depois da queda do “Muro de Berlim” foram concebidos, desenvolvidos e produzidos na Europa, principalmente, três tipos diferentes de aviões de combate da 4ª geração: Eurofighter Typhoon (consórcio europeu constituído por Reino Unido, Alemanha, Itália e Espanha) [1] , Rafale (grupo francês Dassault Aviation) e JAS-39 Saab Gripen (grupo sueco). Estas aeronaves equipam obviamente as atuais […]

INDÚSTRIAS DE ALTA TECNOLOGIA E DEFESA VERSUS CONTROLO DE EXPORTAÇÕES – UMA CONSTANTE OPOSIÇÃO?

Todas as economias desenvolvidas procuram maximizar as suas exportações de bens e serviços e Portugal não é excepção. No nosso país, um exemplo de preocupação sobre esta área tem sido o da EuroDefense Portugal a qual, associada a parceiros relevantes, tem desenvolvido esforços no sentido de que empresas e outras entidades portuguesas participem em programas […]

Estratégia de Segurança Nacional e Nova Arquitetura de Segurança Nacional

Introdução Nos próximos minutos, cabe-me apresentar o entendimento do GRES sobre a Estratégia de Segurança Nacional e as linhas gerais de uma Nova Arquitetura de Segurança Nacional para o nosso país. O âmbito do assunto é vasto face aos condicionalismos de tempo, requerendo um esforço de síntese, centrado nos fundamentos do estudo que o Grupo […]

Soberania Partilhada e Segurança Nacional

Conceitos Um dos temas estudados pelo GRES na formulação de uma proposta de Estratégia de Segurança Nacional refere-se à necessidade de elencar formas de potenciar a capacidade do nosso País para atingir os objetivos da segurança assim como as vulnerabilidades que importa ultrapassar. Como questão de fundo, gostaria de sublinhar que, face aos novos desafios […]

Sociedade Global e Segurança Nacional: um Paradigma de Segurança

INTRODUÇÃO Permitam-me uma breve introdução sobre o GRES, o Grupo de Reflexão Estratégica sobre Segurança, o seu posicionamento no âmbito dos estudos sobre segurança e a sua actividade. O GRES é um think tank independente e autónomo, associado ao Instituto de Direito e Segurança da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa, constituído por […]

Conferência “Novos Desafios e Oportunidades para a Indústria da Defesa Nacional”

Sessão de Boas Vindas: No passado, dia 10 de Abril teve lugar no Edifício da AIP, uma Conferência intitulada “Novos desafios e Oportunidades para a Indústria Da Defesa Nacional”, que contou com a participação de diversas entidades, nomeadamente o Presidente da Eurodefense, António Figueiredo Lopes; o Ministro da Economia, Pedro Siza Vieira; o Ministro da […]

Programa Europeu de Desenvolvimento da Indústria de Defesa

No seguimento do Plano de Ação Europeu de Defesa de 2016, a Comissão empenhou-se no desenvolvimento de uma colaboração entre Estados Membros para o desenvolvimento de capacidades de defesa baseada no progresso para uma indústria de defesa cooperativa. Neste sentido, propôs a criação do fundo europeu de defesa para incentivar futuros projetos. Foi proposto um […]

Da Estratégia Global ao Fundo Europeu, A Participação das Empresas Portuguesas

1.Introdução A “Estratégia Global para a Política Externa e de Segurança da União Europeia” apresentada no Conselho Europeu de junho de 2016, veio dar uma nova orientação e um novo ímpeto à segurança europeia, num contexto considerado de “crise existencial”. De facto, a sua conceção teve como pano de fundo os graves ataques terroristas ocorridos […]